Porto de Lisboa registou crescimento de 33% na mercadoria embarcada até Março
O primeiro trimestre de 2017 trouxe um crescimento de 10% na movimentação de mercadorias no porto de Lisboa, quando comparado com o mesmo período de 2016 – mantendo assim uma tendência de recuperação e de crescimento que se vem assistindo no porto da capital desde o final do ano passado.

Ora, o resultado acabou por ser fortemente influenciado pela carga embarcada, a qual registou um crescimento de 33% no período, alavancando os números globais. Ainda em termos de carga embarcada, e por segmentos, o destaque tem que ser dado à carga contentorizada, que cresceu 15% em tonelagem e em número de TEU – e que, segundo a APL, «consolida e reforça a posição do Porto de Lisboa como elo fulcral ao serviço das empresas exportadoras nacionais».

Granéis sólidos em destaque, impulsionados pelo clínquer
A Administração do Porto de Lisboa salienta ainda que, na carga exportada, também tem que ser dado destaque aos granéis sólidos que aumentaram em 70% e ao crescimento de mais de 100% na exportação de clínquer.

Recorde-se que, entre Janeiro e Março, o Porto de Lisboa movimentou 2,85 milhões de toneladas, o que significou um crescimento homólogo de 10%.

Cargonewa online

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA