Valência investe 130 milhões para operar navios de +20 000 TEU

A Noatum Container Terminal Valência e a Autoridade do Porto de Valência estão a investir 130 milhões de euros para que o porto espanhol possa operar porta-contentores de +20 000 TEU.

À conta da concessionária (que está em vias de passar para as mãos da chinesa Cosco) serão investidos 100 milhões de euros em equipamentos.

Destaca-se o novo pórtico de cais Mallacamax, com uma elevação de “spreader” de 51 metros, um alcance de 68,5 metros (25 fiadas de contentores) e uma capacidade de carga de 60 toneladas em modo “twin”.

A ele juntar-se-ão, ainda este Verão, duas gruas STS deslocados de Málaga, com uma elevação de “spreader” de 41 metros, um alcance de 60 metros e capacidade de 61 toneladas em modo “twin”. Outras quatro gruas serão modernizadas para operarem também os navios da última geração.

Para a movimentação das cargas no parque, a Noatum está a reforçar a sua frota de RTG e reach stackeers.

Por seu turno, a autoridade portuária investirá 30 milhões de euros para aumentar os fundos para -30 metros.

No ano passado, o terminal de contentores da Noatum em Valência movimentou mais de dois milhões de TEU.

O terminal valenciano é um dos que mudará de controlo em breve, na sequência do acordo de venda de 51% da Noatum Ports à Cosco Shipping Ports.Valência investe 130 milhões para operar navios de +20 000 TEU

Fonte: T&N

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA