Porto de Aveiro
A carga movimentada nos portos do Continente desceu 6,8 por cento para 58,7 milhões de toneladas entre Janeiro e Agosto, devido ao volume de importações de petróleo bruto, divulgou ontem a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT). Em sentido contrário está o Porto de Aveiro, que registou a melhor marca de sempre nos primeiros oito meses do ano.
No período de Janeiro a Agosto de 2019 o sistema portuário do Continente movimentou um volume global de 58,7milhões de toneladas, valor inferior em 6,8 por cento ao verificado no período homólogo de 2018, lê-se no relatório de acompanhamento do mercado portuário, referente a Agosto deste ano.
Segundo a AMT, a quebra é explicada pela diminuição da importação de petróleo bruto em Sines (agravada pelo encerramento da refinaria em Agosto) e Leixões (com quebras respectivas de 1,5 milhões de toneladas e 455,4 mil toneladas), assim como pela redução do movimento da carga contentorizada em Sines, que acumula uma quebra de 2,9 milhões de toneladas, por efeito da greve dos trabalhadores portuários do Terminal XXI.
A AMT aponta ainda a diminuição da importação de carvão, em cerca de 700,3 mil toneladas, devido principalmente ao facto de a central termoelétrica de Sines se encontrar em paragem programada para manutenção desde finais de Junho.
Contraciclo
Nos primeiros oito meses do ano, Leixões e Aveiro registam as melhores marcas de sempre, com movimentos a ascender a 13,1 e 3,7 milhões de toneladas, respectivamente, traduzindo aumentos de 0,9 por cento e 2,1 por cento face a igual período do ano anterior.
Segundo o Porto de Aveiro numa nota publicada na sua
página oficial na Internet, o movimento acumulado do Porto de Aveiro no período de Janeiro a Agosto de 2019 foi de 3.733.053 toneladas, valor que constitui novo máximo no que diz respeito ao tráfego de mercadorias neste período do ano.
O anterior máximo, estabelecido em 2018, foi ultrapassado em 1,98 por cento.
Ainda descreve que no fluxo da importação foi alcançada uma variação positiva de relevo, com um total de 2.660.277 toneladas movimentadas, mais 3,90 por cento do que no ano
transacto. As exportações atingiram 1.072.775 toneladas.
No segmento da Carga Geral Fraccionada foram movimentadas 1.063.088 toneladas, representando 28,48 por cento do total do tráfego do Porto, denotando um acréscimo de 8,66 por cento em relação a 2018. Entre Janeiro e Agosto deste ano, escalaram no Porto de Aveiro 706 navios.

Fonte: Diário de Aveiro

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA